Uma segunda-feira dessas em que eu estava de folga decidi sair e andar pela cidade, visitar meus sebos favoritos e passar um tempo comigo mesmo. Sentir a nostalgia com a minha própria companhia, que, ultimamente, não tem sido das melhores. Habitar a minha mente não é a minha coisa preferida da vida e ouvir as minhas vozes interiores já se tornou tão cansativo quanto uma rede social falida onde todo mundo veste camisetas com a bandeira do Reino Unido e reproduz as mesmas poses e os mesmos filtros em um post após o outro.

Continue lendo »
Por Douglas Vasquez
Desabafos10 de agosto de 2022
Sobre nostalgia, estar cansado e vivendo com...
A Redação20 de agosto de 2021
Prisma: quatro amigos e muitas ideias na...